sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Veteranos da guerra liberal que participaram nas Festas da Liberdade, cidade do Porto, 9.7.1883
A comemoração e rememoração oral/familiar teve particular significado durante o século XIX nos Açores, no Porto e em Coimbra, espaços marcados pela acção do exército liberal e pelo protagonismo conhecido de D. Pedro IV e de figuras gradas do liberalismo. Para os chamados bravos do Mindelo e heróis do cerco do Porto a liberdade em sentido moderno fora conquistada a ferro e fogo. Não por acaso, as cores constitucionais trazidas dos Açores (cuja bandeira original se guarda nos paços do concelho de Angra do Heroísmo) seriam lembradas, num caso por via do culto futebolístico, noutro como bandeira símbolo de autonomia regional.
Fonte: O Occidente n.º 166, de 1.8.1883

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial