segunda-feira, 25 de junho de 2012

Lisboa, 1980: momentos públicos associados à investidura de D. António Mendes Belo como patriarca de Lisboa
Na imagem, a carruagem do patriarcado com o cocheiro sentado. O patriarca sai da carruagem, auxiliado pelos oficiais da casa patriarcal, um deles em mantellone. De costas, um oficial de libré bordada e agaloada, com o bicórnio na mão, em posição de cortesia. Trata-se de uma grande libré à francesa, de calção e casaca de abas de grilo, próxima do modelo adoptado no reinado de D. José I, que também era usada por suiços das catedrais francesas (entenda-se os bedeis ou mestres de cerimónias de alabarda e cana). A etiqueta de rigor exigia aos criados e oficiais reverência com a cabeça descoberta. Um erro iconográfico muito comum nos retratos a óleo e fotografias dos cardeais romanos: o barrete comporta borla de seda escarlate quando o barrete cardinalício não tem nem pode ter borla alguma!
Fonte: Arquivo Fotográfico Municipal de Lisboa, PT/AMLSB/LIM/000239

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial