quarta-feira, 29 de maio de 2013

Estudantes finalistas da Escola do Magistério Primário de Benguela Luís Gomes Sambo (Angola), ano letivo de 1972-1973
Esta fotografia foi publicada pela Prof. Conceição Coelho no blogue Coruja Vidas e Recordações, http://corujavidas.blogspot.pt/, que nos ajudou a contextualizar a informação visual e autorizou a respetiva republicação.
À semelhança da maior parte das escolas de formação de professores do ensino primário, a Escola Luís Sambo também promovia a sua festa de encerramento do ano letivo. Um dos números do programa era o baile das finalistas que compareciam em vestido de cerimónia e ostentavam uma pasta de couro preto ornamentada com longas fitas de seda em verde e branco. Estas fitas tinham diferentes larguras, sendo as de maior dimensão reservadas às madrinhas das finalistas. Nas restantes autografavam dedicatórias os familiares, os colegas, os amigos e os noivos. Nelas se pintavam-se símbolos alusivos ao ensino/educação. Desde a Semana de Receção ao Caloiro até à Festa das Finalistas as alunas usavam ao peito um grelo verde e branco oferecido e imposto cerimoniaticamente por uma madrinha. Este grelo era usado com bata branca. Em algumas escolas de magistério primário, o baile de gala era ajantarado.
Contamos proximamente recolher e divulgar mais informação e documentos sobre as tradições das antigas escolas de magistério primário.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial