sábado, 6 de setembro de 2014

Ecce Homo, imagem de vulto do Bom Jesus Milagroso entalhada em madeira estofada e policromada, que se venera no santuário do mesmo nome sito na paróquia de São Mateus, ilha do Pico, Açores. Trabalho tardo-barroco, possivelmente da década de 1850, executado no Brasil a pedido de um emigrante açoriano devoto do Bom Jesus de Iguape e ofertada à referida paróquia por 1860. A imagem comunga dos mesmos atributos de realeza, imponência e majestade sinalizados nas imagens existentes em São Paulo, Iguape, Tremembé e Pirapora. A hagiografia deste Bom Jesus coincide no essencial com os relatos orais de Iguape. Tal como as brasileiras, possui enxoval expressivo, tesouro e hino próprio. As festividades anuais realizam-se a 6 de agosto, com peregrinações, novenário, missa solene e procissão, concorridas por milhares de devotos. O culto está espalhado pelos Açores e comunidades de emigrantes radicadas nos USA e Canadá. À semelhança de outros Ecce Homo, esta imagem costuma exibir nas procissões cabelos ofertados por jovens do sexo feminino.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial