sábado, 29 de setembro de 2012

Homenagem a António Cândido [Ribeiro da Costa] (24.3.1850; 29.10.1922) na Academia das Ciências de Lisboa, com a presença de professores, estudantes e do PRP António José de Almeida. Na fotografia superior António Cândido parece envergar o capelo doutoral com que fora ornado na sua Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra em 21.7.1878 (dia da colação do grau de doutor). Docente daquela escola, foi ainda político e investigador. Exerceu o cargo de Procurador-Geral da Coroa e Fazenda entre 26.11.1898 e 5.10.1910, tendo sido sucedido pelo Procurador-Geral da República Manuel de Arriaga. Cândido trabalhou regularmente como lente entre 1881-1904. O seu nome é lembrado positivamente nos livros de memórias dos antigos estudantes da FD/UC, cujos autores para não fugir à regra dizem quase sempre mal de todos os professores.
Fonte: Ilustração Portuguesa n.º 842, de 15.4.1922

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial